fbpx

Compare as listagens

Anadarko procura propriedade de construção e um seguro contra acidentes para o projecto Moçambique LNG

  • Quarta, 5 \d\e Dezembro \d\e 2018
  • Noticias
  • 0
Anadarko procura propriedade de construção e um seguro contra acidentes para o projecto Moçambique LNG

A Área Anadarko Moçambique 1 convida hoje todas as partes interessadas a enviar uma manifestação de interesse (EOI) para a capacidade de seguro relacionada ao seguro para a construção da Instalação de GNL na península de Afungi, província de Cabo Delgado, Moçambique.

Em anúncio publicado hoje no Noticias, o maior jornal de Moçambique, a Anadarko diz que vai cobrar seguro contra todos os riscos e políticas relacionadas a danos físicos em seu projecto onshore e em seu projecto offshore.

A empresa norte-americana também planeja garantir a carga marítima, cobrindo os danos físicos dos materiais a serem instalados no projecto onshore durante o transporte marítimo.

Na semana passada, a Anadarko anunciou mais um “passo importante” na exploração do gás natural na bacia do Rovuma, selecionando as empresas que irão construir o sistema de extracção submarino.

A Anadarko seleccionou “um consórcio constituído por TechnipFMC e VanOord como o proponente preferido para a engenharia, aquisição, construção e instalação (EPCI) do sistema submarino offshore para o seu projecto de GNL em Moçambique”, diz um relatório da empresa visto pela Lusa.

Posts relacionados

Zona Económica Especial de Nacala: Mais de US $ 2 bilhões investidos desde 2009

Mais de US $ 2,5 bilhões foram investidos na Zona Económica de Nacala, em Nampula, desde 2009,...

continue lendo

Resort Moçambicano eleito o melhor novo Hotel de África pela Condé Nast Traveler

A revista de viagens Condé Nast Traveler escolheu o “andBeyond” Benguerra Island resort no...

continue lendo

Província de Gaza, em Moçambique, arrecada receita de US $ 6 milhões em turismo

A região de Gaza, em Moçambique, ganhou cerca de 6,3 milhões de dólares em actividades...

continue lendo

Junte-se à discussão